Ginecomastia

Ginecomastia é a denominação da mama masculina. Trata-se de glândula mamária, podendo estar associada com lipodistrofia, ou seja, acúmulo de gordura.

Em recém nascidos, tem relativa freqüência, devido aos hormônios maternos, porém com o crescimento logo desaparece. Pode reaparecer na adolescência e fase adulta. O paciente chega ao consultório e relata que não pode ir a piscina e praia sem camisa, pois é uma deformidade que chama bastante atenção das pessoas.

Há necessidade antes da cirurgia de se pesquisar, geralmente com um endocrinologista, se há alguma alteração hormonal que possa causar esta anormalidade. Disfunções do fígado, testículo, sobrepeso também podem ser causas. O uso de substâncias anabolizantes, com o intuito de crescimento muscular é uma causa freqüente.

Uma vez analisado este passo, indicamos a cirurgia. A incisão para abordagem da ginecomastia é pela aréola, geralmente semicircular. A lipoaspiração poderá ser associada.

Dependendo do procedimento, o paciente poderá receber alta no mesmo dia ou um dia de internação. A anestesia pode ser local, peridural torácica ou geral, necessita-se utilizar uma cinta modeladora por dois meses.

Há necessidade de se enviar a peça para análise, pois há um índice ao redor de 1% de possibilidade de ser câncer.

Translate »